Documentários abordam direitos da criança e filhos separados pela hanseníase

A Faixa de Cinema desta sexta-feira, dia 4 de outubro, às 23h45, traz curtas-metragens da premiada diretora mineira, roteirista e produtora Elizabete Martins Campos: “Mulheres em Movimento” (2005), “Filhos separados pela justiça” (2017) e “Colônia Santa Izabel – Passado, Presente e Futuro” (2011), este último resultado de oficinas com adolescentes e moradores do bairro Citrolândia, em Betim, sob sua supervisão. Os documentários foram produzidos em fases distintas, mas revelam a marca da diretora: sensibilidade para as causas sociais, facilidade em retratar e desvendar pessoas.

A diretora  traz histórias e reviravoltas do povo brasileiro que ocupam um lugar de protagonismo em seu trabalho, como mulheres, crianças, comunidades negras e moradoras das periferias urbanas. As obras selecionadas mostram mulheres em luta e os desdobramentos da hanseníase nas famílias periféricas das grandes cidades.

Confira a programação:

Mulheres em Movimento

Mulheres em Movimento(documentário, 21min, cor, Brasil, 2005)
“Mulheres em Movimento” relata, pelas palavras de fundadoras de creches comunitárias e do Movimento de Luta-Pró Creches (MLPC), de Minas Gerais, histórias de enfrentamento à fome, miséria e abandono do Estado, com a relação à infância e adolescência e, como que estas mulheres, boa parte semi-analfabetas, a partir do final da década de 1970, se organizam em busca de soluções para suas comunidades, virando referência em cuidar e educar até hoje.
Ficha técnica
Roteiro, direção e produção: Elizabete Martins Campos

Filhos Separados pela Injustiça

Filhos Separados pela Injustiça(documentário, 20min, cor e P&B, Brasil, 2017)
Narrado por pessoas retiradas, quando crianças, pelo Estado Brasileiro de forma compulsória, de seus pais, que eram pessoas atingidas pela hanseníase, o filme revela fatos verdadeiros, fortes e tristes, que mostram um passado marcado por lágrimas de crianças, hoje adultas, que tiveram e têm seus direitos negados, que sofreram e sofrem todo tipo de injustiça, violência, abuso e que hoje lutam por justiça e exigem reparação.
Ficha técnica
Roteiro e direção: Elizabete Martins Campos
Pesquisa e Produção: Thiago Pereira da Silva Flores
Direção de Fotografia e Montagem: Fred Tonucci
Trilha sonora: Yuri Guerra e Pablo Castro
Produção: IT Filmes, Comunicação e Entretenimento

Colônia Santa Isabel – Passado, Presente e Futuro

Filhos Separados pela Injustiça(documentário, 13min, cor, Brasil, 2011)
O curta-metragem revisita a história da Colônia Santa Isabel, localizada em Betim, que começou a receber os primeiros pacientes de hanseníase, no início dos anos de 1930, pelas lentes e olhar de adolescentes e depoimentos de moradores. O documentário é resultado de oficinas com adolescentes e moradores, produzida pela IT FIlmes, em parceria com o Instituto Casa Santa (INCAS).
Ficha técnica
Ministrantes da oficina: Fred Tonucci e Marlos Reis.
Participantes: Bruna Eduarda Souza Pinho, Wallace de Mello Silva, Willian de Mello Silva, Luciano Malaquias dos Reis, Vitória Lais de Mello, Marcelly Larissa Dias Gomes, Jhone Mendes Silva, Dayse Matos de Lima, Andresa Ferreira, Dayane Yasmin de Oliveira de Souza, João Paulo Santos Souza, Nayvair Barbosa Pereira, Ícaro Breno Fernandes de Oliveira, Rodrigo Pereira da Silva.

       

Deixe um comentário