A luta do século, uma rainha e um grande músico anônimo na Faixa de Cinema

Grandes personagens e sonhos que ultrapassam as fronteiras do interior na Faixa de Cinema desta sexta, 12, às 23h45, que exibe três curtas: “Rainha“, de Sabrina Fidalgo, “A luta“, de Bruno Bennec, e “De quando em vez“, dos diretores Jáder Barreto Lima e Rafaella Pereira de Lima. As três obras têm a direção de talentosos jovens cineastas que contaram com o incentivo do edital Usina Criativa de Cinema, promovido em cidades que compõem o Polo Audiovisual da Zona da Mata de Minas Gerais.

DE QUANDO EM VEZ

Tendo a música como fio condutor, o documentário constroi de forma poética muitos dias dentro de um dia na vida do músico mineiro Jhonny Black, um artista anônimo, longe de grandes mídias, palcos e holofotes. No filme, costurado por um programa de rádio, sua voz chega ao alcance de todos da cidade, onde é reconhecido como grande, tal como ele é.

Na premiação do edital Usina Criativa de Cinema, “De Quando em Vez” foi vencedor nas categorias Melhor Filme, pelo Júri Técnico e Júri Popular, Melhor Roteiro, Melhor Diretor e Melhor Montagem.

De quando em vez - Faixa de CinemaFicha técnica
Direção e Roteiro- Jáder Barreto Lima e Rafaella Pereira de Lima
Direção de Fotografia – Rafaella Pereira de Lima
Montagem – Jáder Barreto Lima
Captação de som – Gugu Antonucci e Tiago Glomer
Mixagem – Matheus Tiengo
Produção – José Bruno
Desenho – Rafael Bianchini
Motion Design – Gugu Antonucci
Colorização – Fernanda Roque
Trilha Musical – Jhonny Black

A LUTA

Inspirado num fato real, conta a história do garoto Tininho, morador da roça no pequeno distrito do Divisório, na Zona da Mata de Minas Gerais, e sua expectativa sobre a luta de boxe histórica entre o americano Joe Louis contra Max Schmeling, alemão símbolo da política racista de Hitler. A luta é considerada até hoje uma das maiores de todos os tempos e marcou uma das primeiras transmissões esportivas ao vivo do rádio Nacional, na década de 30, num momento de descobertas e novidades, o futuro começava a chegar um pouco mais rápido. Na época, apenas exibições de filmes esporádicos e em lugares improvisados, além de um único rádio serviam de ponte para o que acontecia mundo afora.

“A Luta” foi premiado no Quarto Festival Ver e Fazer de Cinema em Cataguases nas categorias Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Fotografia, Melhor Direção de Arte e Melhor Produção.

A luta - Faixa de CinemaFicha técnica
Direção: Bruno Bennec
Roteiro: Cesar Rodrigues
Direção de Produção: Karina Potira
Direção de Fotografia: Jacques Cheiuche
Direção de Arte: Kátia Campos
Som: Sérgio Scliar
Montagem: Tuna Mayer
Trilha sonora: Roberta Campos
Empresa produtora: Bruno Bennec
Elenco: Andrea do Valle, Euler Luz, Marco Andrade, Marcelo Costa e as crianças Leandro Coimbra e Luiz Gustavo

RAINHA

Rita finalmente realiza o sonho de se tornar a rainha da bateria da escola de samba de sua comunidade, todavia, ela terá que lutar contra forças obscuras, internas e externas. Dedicação, perseverança, equilíbrios com os próprios fantasmas e, acima de tudo, luta contra uma realidade injusta e cheia de interesses.

“Rainha” ganhou o prêmio de melhor filme pelo júri popular no Festival Internacional de Curtas do Rio de Janeiro em 2016.

Rainha - Faixa de CinemaAno: 2016 | Duração: 30′
Ficha técnica
Roteiro e direção: Sabrina Fidalgo
Direção de Fotografia: Julia Zakia
Montagem: Antoine Guerreiro do Divino Amor
Direção de arte: Kiti Soares
Figurino: Jerry Gilli
Maquiagem e cabelo: Uca Rocha
Som: Vitor Kruter
Desenho de Som: Pedro Bernardes e Gabriel Marinho
Mixagem: Beto Mendonça
Preparador de Elenco: Marco Andrade
Assistente de Direção: Carla Werneck
Assistente de Fotografia: Angelo Perim
2. Assistente de Fotografia: Leandro Bernardo
Assistente de Arte: Claudia Marques Paes
Assistente de Figurino: Cinthia Carvalho
Assistente de Maquiagem e Cabelo: Joel Rocha
Assistente de Produção: Fernando Paixão Duarte
Maquinaria/Elétrica: Augusto Marquito
Coreógrafo: Joel Rocha
Produção: Monica Botelho e Sabrina Fidalgo
Produção Executiva: Carol Viana
Direção de Produção: Carol Paiva
Empresas produtoras: Fidalgo Produções e Mutuca Filmes.
Elenco: Ana Flavia Cavalcanti, Marilia Coelho, Bianca Joy Porte, Jerry Gilli, Ana Chagas, Marco Andrade, Felipe Frazão, Sabrina Fidalgo, Eduarda Teixeira, Gabriela Patrocínio, Vitoria Lima, Eugênia Branco, Cecilia Bueno e Julia Senne.

       

Comentários

Deixe um comentário