Recomeço para os desabrigados após tragédia em Mariana

Os sobreviventes começam a planejar a reconstrução de suas vidas. O Ministério Público coordena o diálogo com os representantes da Samarco sobre a condição atual de moradia dos desabrigados. A Defensoria Pública de Minas Gerais tem cobrado garantias da empresa responsável.

       

Deixe um comentário