Jornalismo discute trabalho escravo

Este ano se comemora 130 anos da Lei Áurea, que aboliu a escravidão no Brasil. No entanto, o crime de trabalho escravo é recorrente no país, e acontece bem mais perto do que imaginamos. No último domingo, 28/01, foi comemorado o dia Nacional de Combate ao Trabalho Escravo, data que marca os 14 anos do assassinato de três auditores fiscais que apuravam denúncias de trabalho escravo em fazendas de Unaí, Minas Gerais.

O Opinião Minas recebeu o professor Carlos Haddad e também Ana Paula Giberti, da Secretaria de Direitos Humanos de Minas Gerais, para uma discussão sobre o chamado “trabalho escravo contemporâneo“.

 

O Brasil em Rede também abordou o tema e apresentou os desafios do combate ao trabalho escravo atualmente.

 

No Voz Ativa, que conversou com o estilista Ronaldo Fraga esta semana, a discussão também abordou o trabalho escravo na moda, área alvo de inúmeras denúncias em todo o mundo.

       

Deixe um comentário