Documentário relata luta e sobrevivência do povo Krenak

combo_krenak

A história de luta do povo Krenak que, em 2015, acordou perplexo com a morte do Rio Doce causada pela lama oriunda do rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Samarco, em Mariana (MG). “Krenak, os sobreviventes do Vale”, documentário da diretora Andrea Pilar Marranquiel, é a atração da Faixa de Cinema desta sexta, 8/11, às 23h30.

A produção, finalizada em 2019, chega num momento em que os povos indígenas em todo o Brasil vive grandes desafios. São problemas de todas as ordens: queimadas, demarcação de terras, conflitos com fazendeiros, grileiros, madeireiros, negação dos direitos, invisibilidade, assassinatos de lideranças.

Ao contar a sina dos Krenak, do passado aos dias atuais, Andrea Pilar não somente resgata a história e a importância da cultura indígena para a formação do povo brasileiro como também sensibiliza a todos ao capturar o sentimento de perda da pior das tragédias que um Krenak poderia ter visto: a devastação da fauna e da flora do Rio Doce, fonte de vida e subsistência dos Sobreviventes do Vale.

Confira a sinopse:

Krenak, os sobreviventes do Vale
Um povo perseguido. Violência dos colonizadores. Mão pesada da ditadura. Morte do Rio Doce causada pela lama da barragem da Samarco. E eles teimam em resistir! Krenak, sobreviventes do vale.

Krenak, os sobreviventes do Vale61min | 2019
Ficha técnica:
Direção e Roteiro: Andrea Pilar Marranquiel

       

Deixe um comentário