Cidades mineiras candidatas a Cidades Criativas são homenageadas na Faixa de Cinema

A Faixa de Cinema do mês de maio traz uma programação dedicada às 3 cidades mineiras candidatas ao título de Cidades Criativas da Unesco: Diamantina, Cataguases e Belo Horizonte.

Cidades Criativas

Criada em 2004, a Rede de Cidades Criativas da Unesco busca promover a mútua cooperação entre as cidades comprometidas em colocar as indústrias culturais e criativas no centro de suas estratégias de desenvolvimento para transformá-las em locais mais inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis. Os campos criativos reconhecidos são: artesanato e artes folclóricas, design, cinema, gastronomia, literatura, artes mediáticas e música.

Atualmente, a Rede reúne 180 cidades de 72 países de todas as regiões do mundo. No Brasil, oito municípios brasileiros já fazem parte da Rede Criativa: Salvador (BA), Florianópolis (SC), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belém (PA), Santos (SP), João Pessoa (PB) e Paraty (RJ). Agora chegou a vez das cidades mineiras. Diamantina concorre no circuito da música, Cataguases no campo das artes cinematográficas e Belo Horizonte no eixo da gastronomia.

Faixa de Cinema - cidades criativas - Diamantina

Diamantina na Faixa de Cinema

A programação da Faixa de Cinema desse mês começa com uma homenagem à cidade de Diamantina, dia 3/5, às 23h45. Além das belas paisagens e riquezas naturais, Diamantina é também reconhecida historicamente como a cidade musical de Minas Gerais e como a capital brasileira da seresta. Confira abaixo as duas obras que serão exibidas nesta sexta:

Diamantina Jóia de Minas para o Mundo

O documentário, produzido e realizado pela Rede Minas, mostra o patrimônio Cultural e ecológico da Cidade de Diamantina, foi motivado pela campanha para elevar a cidade de Diamantina ao título de Patrimônio Cultural da Humanidade em 1999.

Direção: Cristina Costa

A Falta que me faz

Filmado durante um inverno, na cordilheira do Espinhaço, em Curralinho (região de Diamantina, em Minas Gerais), o filme aborda um grupo de garotas em um momento de transição. Alessandra, Priscila, Shirlene e Valdênia vivem um romantismo impossível, que as enlaça com homens de fora, deixando marcas em seus corpos e na paisagem a seu redor. Entre festas, namoros e contradições da passagem para a idade adulta, cada uma encontra sua maneira particular de resistir à mudança e existir na incerteza.

Personagens: Alessandra Ribeiro, Priscila Rodrigues, Shirlene Rodrigues, Valdênia Ribeiro, Paloma Campos / Direção: Marília Rocha / Diretora Assistente: Clarissa Campolina / Produção: Luana Melgaço / Produtor Associado: Helvécio Marins Jr., Felipe Duarte / Fotografia: Alexandre Baxter, Ivo Lopes Araújo / Montagem: Francisco Moreira, Marília Rocha / Desenho de som: O Grivo / Trilha sonora: Arthur H. / Design Gráfico: Marilá Dardot / Site: Fred Paulino / Coordenação de Distribuição: Felipe Duarte / Distribuição: Cia do Filme, Teia | Lume Filmes (DVD)


       

Deixe um comentário