Alto-Falante escolhe os melhores discos de 2017

bannermelhoresDiscos2017

O ano de 2017 acabou mas a bagagem musical herdada foi pra lá de especial. Por isso, a equipe do programa Alto-Falante se reuniu a alguns convidados – jornalistas, músicos e produtores musicais – para que eles, com base em suas próprias convicções, realizassem a já tradicional eleição dos melhores discos nacionais e internacionais do ano.

timbernardes_thenationals

Trabalho solo de estreia de Tim Bernardes e novo projeto do The Nationals são os grandes destaques de 2016. FOTO: Divulgação

Marcada por uma diversidade de estilos, a lista de discos nacionais é liderada pelo disco solo do músico Tim Bernardes, vocalista da banda O Terno, seguido pelo rapper mineiro Djonga, e, em terceiro lugar, empatados em três votos, os discos da banda Pato Fu e do rapper “Baco Exu do Blues”.

Já entre os melhores discos internacionais escolhidos, a banda The National lidera com o disco Sleep Well Beast, seguido pelos discos Melodrama, da cantora Lorde, I See You, da banda The XX, e o A Deep Understanding, do grupo The War on Drugs. Todos estes ficaram empatados na segunda colocação.

Segundo Terence Machado, apresentador e produtor do Alto-Falante, o critério pessoal de escolha torna-se enriquecedor quando o assunto é variedade. Desta forma, é possível que o público conheça músicas e artistas de vertentes completamente diferentes, o que fomenta a incrementação de cultura em cada um. “O que a gente leva em consideração é a identificação com o estilo mesmo. Por exemplo, eu escolhi a banda Mopho na minha lista, mas porque eu gosto muito de rock psicodélico. Da mesma forma, o Luís César Pimentel, convidado de São Paulo, é um grande fã de Heavy Metal, portanto, a lista dele vai para este lado. Cada um puxa a sardinha pro que prefere, mas no fim, todo mundo tá gerando conhecimento para quem quer saber mais sobre os tipos musicais”, destacou.

Para conferir o resultado nacional e internacional, saber quem votou e ver as listas de cada um dos participantes, acesse redeminas.tv/melhoresdiscos2017. Pode comentar também. Afinal, o que seria de uma boa lista sem muita polêmica?

       

Deixe um comentário