Agenda confirma residência de Guimarães Rosa em BH

O Agenda teve acesso exclusivo ao documento que comprova que o escritor mineiro Guimarães Rosa morou na casa localizada na rua Leopoldina, número 415, no bairro Santo Antônio. A residência, onde nas décadas de 80 e 90 funcionou o famoso Bar do Lulu, no momento está ameaçada de ser descaracterizada pela construção de um empreendimento imobiliário.

A prova que Guimarães Rosa realmente morou no local durante a adolescência é uma certidão de casamento do escritor com a sua primeira mulher, Lygia Cabral Penna. Nas redes sociais, o movimento “Salvem a Casa de Guimarães Rosa” tenta impedir que o espaço seja demolido e propõe a construção de um centro cultural para preservação da memória de Rosa. A casa integra um conjunto de treze imóveis da rua Congonhas que foi tombado pelo patrimônio municipal em 2007 e, que de acordo com a prefeitura, deve ser mantido e incorporado ao novo empreendimento.

Assista à reportagem completa:

Veja a residência onde Guimarães Rosa residiu:

       

Deixe um comentário