1º encontro “Sou Brincante” faz sucesso com público

brincante_all

Alegrias e experiências não faltaram no 1º Encontro Sou Brincante, idealizado e produzido pela apresentadora Roberta Zampetti, do Sou 60, da Rede Minas. O evento ocorreu na Villa Robertti, no bairro Belvedere.

Quem guiou as atividades, junto à equipe do programa, foi a brinquedista, oficineira e educadora Luciana Moreira, que ganhou, no fim do ano passado, o “Oscar” de melhor brinquedista do Brasil, no Encontro Nacional de Animadores Infantis (ENAI). Inicialmente eram esperados 14 participantes, mas ao todo foram 42 presentes no evento, que pode contar com uma segunda edição.

Entre as atividades realizadas, uma dinâmica incentivou os avós a contar “causos” e experiências recreativas realizadas na infância, os quais remetessem aos quatro elementos da natureza – ar, terra, fogo e água – e, ao mesmo tempo, ela fixou também a importância dos jogos virtuais na atualidade. Com isso, foi possível que os participantes observassem o quanto uma brincadeira pode ser importante na formação cultural e social de cada pessoa durante toda a sua trajetória.

Dona Vera Lúcia, uma das mais comunicativas entre as avós, conta que as oficinas vão ajudar com uma tarefa especial. “Eu tenho cinco netos. Estou em uma fase em que todos eles já cresceram e não brincamos mais como antes. Este encontro me deixou muito feliz. Todos tiveram a oportunidade de contar suas histórias de um jeito único, porque brincar é muito importante, faz a gente viver feliz”, explicou.

Para aguçar a sensibilidade, foi realizada uma oficina com água, gesso e tinta. Além disso, uma brincadeira chamada paraquedas agitou e movimentou bastante todos os vovôs e vovós que participaram. A oficineira ressaltou a relevância das dinâmicas no dia a dia dos idosos, destacando os benefícios da saúde mental e física. “Essa atividade proporcionada aqui na oficina teve vários objetivos. Um deles foi criar a oportunidade de vínculo entre os avós e as crianças”. afirmou.

Ao final do Encontro, Roberta Zampetti fez um agradecimento e revelou como surgiu a ideia de proporcionar um espaço de aprendizado e diversão para os idosos. “O Sou 60 trabalha com o envelhecimento e, há muito tempo, eu vinha pensando nessa coisa de empoderar os avós. A partir daí, encontrei a brinquedista Luciana Moreira, conversamos e surgiu a ideia de fazer essa oficina e chamar os avós”, contou.

       

Deixe um comentário